18 de jan de 2011

capitulo 40

Posted by sandry costa On 1/18/2011 4 comments


Talvez o começo de uma noite perfeita

POV Jacob

Depois que saímos da casa da Emily, não dissemos uma única palavra, bastava o olhar. Ela estava tão triste, mas já estava calma. Não demoramos para chegar á cabana, no meio do caminho eu liguei para o Billy e pro Carlile pra avisar onde que ficaríamos.

 - Vou tomar um banho Jacob, você me espera né? – ela perguntou com uma carinha de choro.

 - Claro Pequena – eu a abracei pela cintura, e colei seu corpo no meu, queria que ela se sentisse segura comigo, que eu jamais a abandonaria, ela ficou vidrada em meus olhos – Sempre estarei ao seu lado Renesmee, até quando você permitir e me quiser por perto. 
– terminando de falar eu encostei meus lábios nos seus, pedindo permissão para o beijo, não que eu precisasse de permissão, mas ela estava tão indefesa e frágil, que eu não queria forçar nada com ela. Mas ela permitiu eu passei a minha língua pelo seu lábio inferior e ela ofegou, deixando todos os meus pêlos arrepiados. Aprofundamos o beijo, afinal estávamos morrendo de saudades um do outro, meu corpo já estava sedento por ela. Nosso beijo ficou intenso e provocativo. Ela passou os braços pelo meu pescoço, me fazendo a apertar mais em meu corpo, pela sua cintura. Eu a senti se enrijecer e ambos ficamos sem fôlego, tivemos que nos separar (afinal nós dois respirávamos), eu aproveitei a deixa para beijar seu pescoço, desci e depois subi até seu lóbulo da orelha. Fui andando com ela até ela encostar na parede. Encostamos as nossas testas e ficamos de olhos fechados, eu segurando sua cintura e ela segurando meu pescoço e passando a outra mão em meu cabelo curto.

 - Se continuar assim não irei mais te soltar Nessie.

 - Estava com saudades Jake...

 - Acho que não vou mais conseguir me segurar se você ficar colada em mim.

 - Tudo bem pra mim, adoro ficar colada em você, você sempre me esquenta. – nessa hora ela corou e me deu um celinho – Acho melhor eu ir tomar meu banho...

 - Então vou fazer um lanche, você quer? – eu aproveitei pra lhe dar outro beijo. Ela fez que sim com a cabeça.

 - Quero, não vou demorar.

       Enquanto Nessie entrava no chuveiro, olhei a dispensa e a geladeira, tinha comida pra matilha inteira, isso porque aqui a única que come é a Nessie, e só um pouco. Fiz uns lanches bem recheados e um suco de morango.  Na verdade queria fazer uma vitamina bem forte, mas Nessie não suporta leite, basta ela sentir o gosto na boca, ela vomita tudo. Coloquei tudo em uma bandeja com copos, uma toalha, e uma flor vermelha que peguei no vaso da Bela na janela da cozinha. Peguei a bandeja e levei para o quarto da Nessie acho que ela já deve ter se vestido, pelo menos eu já a ouvi se trocando.

     Chegando à porta do quarto dela eu parei, não consegui mais andar, estava tendo uma das melhores visões da minha vida, fiquei hipnotizado. Nessie estava de costas, com os cabelos molhados soltos, só de calcinha de costas pra mim, eu já a vi de biquíni, mas agora estava muito mais do que maravilhosa, sem contar que as gotículas de água que estavam pelo seu corpo estavam a deixando muito sexy e sensual.


 - Quer um babador Jake... Congelou ai na porta? – Nessie riu da minha cara e ficou ruborizada, se estivesse de frente pra mim poderia confirmar que suas bochechas estavam pegando fogo.

 - Que isso, fazer o que se tenho a noiva mais linda do mundo... – não consegui terminar, Nessie se moveu tão rápido que se eu não fosse um lobo não teria visto o que ela fez, ela colocou uma quase mini camisola, transparente cor de rosa, sem sutiã (só pode, ou ela está querendo me provocar, ou está testando os meus limites, mas desse jeito fica difícil).

 - O que tem pra comer lobinho? – ela perguntou retirando a bandeja das minhas mãos colocando-a na cama e depois praticamente se atirou em cima de mim.

 - Temos sanduíches e suco de morango. E eu achando que eu era o atirado – falei rindo.

 - Adoro suco de morango Jake. E você sabe que eu não resisto a você. Seu cheiro é tão bom pra mim, quanto à de um humano. – enquanto ela terminava de falar, sua boca foi descendo de minha orelha para o meu pescoço, me dando várias mordiscadas. Ela não tinha percebido o estado que estava me deixando, não vou conseguir me controlar com ela assim... A camisola era tão fina que dava para sentir os seus seios rígidos grudados no meu peito... Dava para ver como estávamos começando a pegar fogo.

 - Nessie... – eu falei fechando os olhos para não ver o rostinho de anjo que ela tem, ela estava realmente muito tentadora.

 - Está bem, eu paro, é melhor agente comer algo, antes que eu resolva te morder mesmo – ela falou rindo e eu ri junto.

         Era tão bom ver minha Renesmee feliz e sorridente deste jeito. Ligamos a TV que tinha em seu quarto e estava passando Sobrenatural, comemos o lanche assistindo. Acho que ela comeu até mais que eu. 

 - Já volto vou levar a bandeja na cozinha, quando voltar vamos nos deitar, porque amanhã é segunda e eu ainda tenho faculdade, ainda bem que estou no ultimo ano, porque acho que desistiria se tivesse mais no ano que vem. E você tem que descansar, porque terça feira você tem um teste de balé pra fazer.

 - Acho que não vou neste teste... – ela falou e ficou tristonha.

 - Lógico que você vai, nem que eu te leve amarrada – eu falei bem sério, tentando convencê-la de ir.

 - Se você conseguir me amarrar, eu deixo você me levar – ela disse num tom zombeteiro.

 - Você está me pondo em prova Renesmee Carlie Cullen Black?

 - Jacob Black você não é páreo para mim. – nisso ela tentou se levantar e eu a segurei, eu sei que quando ela quisesse ela se soltaria, mas ela fez drama e me deixou ficar em cima dela. E nós demos um leve beijo. Claro que eu não me segurei e acabei passando a minha mão na lateral do seu corpo. Ficamos nos olhando e eu parei e ela falou:

 - Tudo bem eu vou. Mas Jake dorme aqui comigo, não quero ficar sozinha aqui no quarto.

 - Está bem, já subo.

        Lavei a louça rapidinho, já eram 22h40min.  Hora de subir e dormir, ainda bem que Edward não está aqui porque se ele visse os meus pensamentos agora em relação á Renesmee, ele me mataria. Qualquer um pensaria com aquela camisola que ela esta usando, fica até meio difícil de pensar em algo em que não seja sexo.

No quarto, a TV estava desligada, Nessie estava deitada de lado olhando a janela que estava aberta, o céu estava escuro, com pouquíssimas estrelas e ventava um pouco.

 - Nessie já dormiu princesa? – perguntei me deitando atrás dela, passando o meu braço pela sua cintura. Mas pela sua respiração eu sabia que ela ainda não estava dormindo.

 - Não. Estava te esperando. – Ela se virou e ficou de frente pra mim.

       Ficamos um tempo nos olhando e trocando carinhos. Não demorou muito pra mim beijá-la. E como a sua boca era deliciosa, macia, quente e apaixonada. O Beijo ficou mais intenso, mais sério, acho que eu e minha princesa nunca nos beijamos de tal maneira. Eu não estava mais aguentando, e pelo visto Nessie também não. Passei uma de minhas mãos por seu quadril e fui descendo pela sua coxa. E que corpo minha Pequena tem. Ela estava um pouco tensa, nós nunca tivemos um momento assim, já tivemos sim, mas acho que não tínhamos a vontade de que estamos tendo agora de  sermos um só.

 - Jake... – Ela conseguiu falar quando parei de beijá-la na boca, para beijar o seu pescoço. Eu senti que seu coração já estava batendo totalmente descompassado e o meu também, e estava ficando muito quente. Eu parei e a encarei.

- Se quiser eu paro, sabe não vou fazer nada que você não queira Pequena.

 - Jake – ela falou dessa vez bem baixinho no meu ouvido, com os olhos fechados – Eu quero ser totalmente sua, me faz ser sua mulher...

Era tudo o que eu queria ouvir, só de pensar que Nessie queria ser minha, estou mais do que feliz, essa vai ser a melhor noite de nossas vidas vou fazer o possível para ser uma noite especial para ela.

 - Você tem certeza, Nessie eu posso esperar, não quero a forçar nada... – Não deu tempo pra continuar a falar, Nessie segurou minha nuca e me beijou, colocando uma de suas pernas em cima de mim, agora ela conseguiu retirar todo o juízo e autocontrole que eu estava tentando manter.

Nosso beijo ficou mais forte, suas mãos começaram a passear pelo meu corpo bem devagar como se quisesse memorizar cada pedaço. Comecei a fazer o mesmo com o corpo dela. Estava ficando perfeita a noite. Ela estava um pouco acanhada, um pouco presa. 
- Não se preocupa meu amor, é apenas eu e você aqui, estamos apenas nos conhecendo melhor, tente se lembrar de que eu apenas vou lhe proporcionar a noite mais linda da sua vida, não precisa ter vergonha de mim. – ela assentiu e sorriu.

Minhas mãos voltaram a passear pelo seu corpo, ela se soltou mais e se acostumou comigo. Eu a beijava no pescoço, e comecei a passar a mão dentro de sua camisola subindo para os seios, toquei seu seio esquerdo, ela fechou os olhos e arfou, acabei ficando mais excitado do que já estava, era uma delicia tocá-la, voltei a beijá-la e continuei a estimulá-la no seio. Apenas posso dizer que nós dois fomos feitos um para o outro.

 - Você é perfeita, maravilhosa... – eu disse e senti que seus lábios começaram a traçar um caminho da minha boca, orelha, pescoço, e meu peito. Ela fazia de um jeito que deixava rastros de calor por onde passava sua língua...

Essa noite promete ser a melhor noite da minha vida junto da mulher que eu amo: Reneesme...

4 comentários:

Nossa, cada vez mais vc me surpreendi, esta perfeito
mal posso esperar pra ler a continuação desse capitulo,
srsrs.

Bjs

Oi Sandry como ja falei deixo vcs escritoras a vontade para escrever mas este capitulo eu tive que comentar... FICOU PERFEITO queria saber continua ou acabou por ai????????? cara vc é 10 acampanho tudo que vc escreve viu!!!!! bjs Ráskia

Menina que cápitulo foi esse, por que parou haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa, espero a continuação anciosa até demais kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Oi meninas, quero agradecer a força que vcs estão me dando...
Estou muito feliz que vcs estão gostando da minha fic.
Não se preocupem que não parou por ai não, proximo capitulo aposto que vcs irão amar!!!

Logo sai mais um pra vcs lerem.

Beijos Marina =)

Postar um comentário

Não esqueça de comentar, isso incentiva os escritores e também a mim que tento agradar a vocês.