19 de fev de 2011

Capítulo 28° História

Posted by Daniella On 2/19/2011 5 comments

Agradecimentos: Jóyce, Eílen, Jess, Aya, Sarinhah e Andreia.




São Francisco 02 de maio de 2007, domingo ás 16h02min, Apartamento dos Beckham

-O nome dele é Jacob Black. Desde sempre eu o conheço, mas eu não era muito de conversar com ele. Então em uma tarde eu fui à casa dos Cullen e ele estava lá também e eu era pequena então...

-Você é pequena. –Rhasna a interrompeu, Isa a olhou brava. –Prossiga.

-Então eu não conseguia tocar a campainha e ele tocou para mim, a partir desse dia nós nos aproximamos mais. Ele começou a fazer Karatê comigo, nós brincávamos quase todo dia na Central Parker. Tudo era perfeito. Tudo. –Isa ficou triste.

-Era? O que aconteceu?

-Eu não sei. –Isa disse em um sussurro.

-Como assim?

-Nós. Todos nós estávamos reunidos na casa dos Cullen, eu lembro-me como se fosse ontem, também como não me lembrar foi quando eu dei meu primeiro beijo. –Isa sorriu com a lembrança.

-Com o Edward. –Rhasna disse.

-Exatamente. O momento foi mágico, foi surreal. Mas voltando ao que interessa de verdade, naquela tarde o Jacob se revelou. Ele do nada disse que não queria mais ser meu amigo e a partir desse dia... –Isa abaixou a cabeça. –Começamos a trocar insultos. Sabe a cada palavra que ele falava feria-me. O modo como ele agia comigo. Sempre frio. Foi então que eu decidi fazer o mesmo e desde então nós nos odiamos.

-Que historia. –Rhasna comentou.

-Nem me fale. E ontem eu sonhei com ele, na verdade a maioria das noites eu sonho com ele. Eu sonho que eu estou indo embora de New York e vindo para cá e nossos olhares nunca se desprendia um do outro. E depois ele sempre some e o sonho acaba. E eu acordo com falta de ar... Como... Eu não consigo explicar. Como se algo me faltasse entende?

-Acho que sim. E você acha ruim, sonhar com ele?

-Eu acho péssimo. Rhasna ele me fez sofrer de uma forma que eu nunca havia sofrido antes. – “Com exceção de quando eu vim morar aqui.” Isa pensou. –Ele é um imaturo.

-Ele ti fez sofrer? Ai de eu ver esse Jacob algum dia na minha vida. Ele está frito.

Isa riu e disse:

-Valeu amiga eu sabia que podia contar com você. –Rhasna a abraçou.

-Sempre. Sabe talvez eu o veja quando nós formos para NY.

-Felizmente não. Ele está morando em uma reserva que fica em Forks, La Push.

-Sorte a dele. –elas riram e continuaram a conversar.

São Francisco 02 de maio de 2007, domingo ás 17h56min, Apartamento dos Beckham

-Minha mãe acabou de me ligar, ela disse que meu pai já deve estar chegando. Eu tenho que ir. –Rhasna anúncio.

-Tudo bem, eu ti levo lá.

-Seus pais não vão brigar? –Rhasna perguntou.

-Meus pais não estão em casa Rhasna. Eles vão chegar terça-feira.

-Onde eles foram?

-Ver a parada da mudança.

-Legal! –Rhasna disse.

-Com certeza. Então vamos? –Rhasna assentiu. –JENNA EU VOU NA CASA DA RHASNA! –Isa gritou.

-TA BOM! MAS NÃO DEMORA! –Jenna gritou também.

-Cara às vezes a Jenna parece sua mãe. –disse Rhasna.

-Ela é como uma segunda mãe para mim. –Isa sorriu. –Vamos logo.

-Ta! –elas saíram do prédio e foram até a casa da Rhasna, Isa ficou lá por um tempo e depois se despediu de sua amiga na portaria do prédio.

-Até amanhã na escola doidinha! –disse Isa.

-Falow! Beijo e me liga quando chegar em casa.

-Ta bom! Tchau. –Isa voltou para casa, o céu já estava ficando negro. Isa olhou no relógio. 19h05min.

-Caramba eu demorei. Tenho que me apressar.

-Pra que? Você pode ficar conosco. –Isa ouviu uma voz atrás de si e se virou automaticamente. Era um homem alto cabelos escuros, olhos claros, barba por fazer e ele usava um terno e ao seu lado havia outro homem esse por sua vez era um pouco mais baixo que o primeiro, seus cabelos eram loiros, seus olhos eram castanhos e ele usava um terno assim como o primeiro homem.

-É que não da mesmo. –ela sorriu amarelo. –Eu tenho que ir pra casa. Tchau. –ela se virou e apressou seus passos. Ela ouviu os passos dos dois homens a seguindo então ela começou a correr e os homens atrás dela fizeram a mesma coisa.

-SOCORRO! –Isa gritou. De repente ela sentiu algo chocar-se contra o seu corpo. O homem mais baixo havia pulado em cima dela. O outro chegou e ajudou ao outro a levantar-se e a segurar Isa pelos braços.

-Calada! Se você gritar nós vamos ter que te matar. –o homem mais alto falou lhe mostrando uma arma.

-O que vocês querem? –ela perguntou.

-Você não está em condições de fazer perguntas Senhorita Beckham.

-Você sabe meu nome. –ela disse surpresa.

-Nós sabemos muita coisa sobre você e sobre sua família Senhorita Beckham. –disse o loiro.



Próximo capítulo:

-Covarde. –Isa disse.

-O que você disse? Que eu sou covarde? –ele lhe deu um murro na face fazendo seu lábio inferior sangrar. –Acho que você já aprendeu a lição. Vamos levá-la para o carro. Você sabe que o chefe não gosta de esperar. –o loiro assentiu e colocou Isa no ombro. Isa batia nas costas do loiro, mas esse nem se importava. Isa já sentia o gosto de sangue na boca, seu estomago doía e sua boca também.

-ISA!

5 comentários:

Ai meu deus quem sao esses homens heim? quer que eu morra de curiosidade amiga. Ceus kkk'.
beijos e parabéns pelo capítulo.

Dany de Deus você quer no matar é isso?
só pode, néh?
quem são esses homens e o que eles querem com a Isa????
ao curiosa d+++
muito anciosa pelo próximo
*próximos
Beeeeijos

Nossa coitada dela o que vai acontecer
agora estou ficando preocupada já nao
bastava ela estar brigando com meu Jake
agora isso. Coitadinha.

FILHOS DA p****
SOLTA MINHA ISA, SOLTA, BORA, VAI, VAI, VAI. SOLTA, SOLLLLTAAAAAA, TO MANDANDO ¬¬
aaaaaaahhhhhhhhhhrgg, vou ler o próximo antes de ter um ataque cardíaco D:

Ai meu Jesus cristinho o q sera q eles vao fazer com ela
sera q nao tem ninguem pra defende-la
amiga vc esta de parabens pois a cada cap a fic fica mais fantastica
beijusss

Postar um comentário

Não esqueça de comentar, isso incentiva os escritores e também a mim que tento agradar a vocês.