22 de mai de 2010

O nosso felizes para sempre

Posted by sandry costa On 5/22/2010 6 comments


Jake 

Hoje estava fazendo dois anos que Nessie e eu nos casamos. Virei na cama e senti minha pequena se acomodar nos meu peito, rodeei seu corpo com meu braço, e antes dela abrir os olhos senti nossos pequenos pulando em mim.
_Acorda.
Gritaram os três em uníssono, Emmy que era a mais rápida, desceu da cama e pegou uma bandeja com frutas, bolo, suco, panquecas, os três sorriam muito, e então a Nessie falou.
_Feliz aniversario meu amor. Ela me deu beijo doce e eu sussurrei.
_Pra você também minha pequena. Tomamos o café da manhã juntamente com nossos filhos e eles desceram pra brincar.
_Vem vamos tomar banho, depois quero te levar a um lugar.
Falei já me levantando e oferecendo minha mão pra ela, ela olhou pra mim só de boxe e mordeu o lábio inferior, uma risada baixa escapuliu da minha boca, ela ficou em pé em cima da cama me abraçou passando suas pernas em minha cintura, e me beijou. Eu segurei sua cocha com desejo e ela gemeu sobre os meus lábios e cravou a unha na minha nuca, passei minha língua por seus lábios e pedi passagem, explorando sua boca, subi minha mão pra sua cintura, então nós dois gememos em desgosto quando ouvimos uma batida na porta e a Alice falou do lado de fora.
_Er, sem querer incomodar, to levando as crianças lá pra casa, depois vamos caçar e eles vão dormir por lá mesmo.
Desci a Nessie do meu colo antes de responder.
_Claro, claro.
Tinha que me lembrar que ela estava fazendo um favor pra mim ficando com os meninos hoje, fomos até o banheiro e tomamos banho, tinha planejado isso durante a semana toda. Quando saímos não me transformei fomos andando de mãos dadas até uma clareira que eu havia encontrado.

Nessie 

Depois que a tia Alice nos interrompeu, Jake e eu saímos para o tal passeio, ele não quis me dizer onde era, e quando nós chegamos estávamos no lugar mais lindo q eu já vi. Havia varias arvores grandes rodeando dois lados do local, ao fundo uma cascata por cima de varias pedras de tons roxo e verde, o chão tinha uma grama rala, e de frente um penhasco alto, com um rio em baixo, dava para ver varias montanhas ao longe. Meus olhos brilharam e eu dei um sorriso e olhei pro Jake, ele também estava sorrindo.
_Lindo.
Sussurrei olhando em seus olhos, ele me abraçou e deu um beijo em minha testa, desceu seus lábios beijando meu rosto até chegar à minha boca, então ele a tomou com desejo, o mesmo desejo de quando nos beijamos pela primeira vez. Suas mãos desceram para minha cocha me firmando, e eu passei minhas pernas por sua cintura, avancei para sua boca o beijando com presa e desejo ao mesmo tempo, ele começou a apertar sua mão que continuava na minha perna e ondas de desejos percorrerão meu corpo, ele começou a beijar meu maxilar e fez um caminho de beijos até meu ouvido, mordeu o lóbulo da minha orelha e sussurrou com a voz falha.
_Eu te amo.
Gravei minhas unhas em sua nuca, e ele invadiu minha boca a explorando com sua língua, desci minhas mãos por suas costas e as subi novamente retirando sua blusa ao mesmo tempo em que passava minha unha levemente por suas costas, ele tremeu e gemeu sobre meus lábios. Jake me encostou em uma arvore e beijou minha barriga, subiu a mão lentamente tirando minha blusa e me olhou, seus olhos brilharam de desejo e veneração, e um tremor percorreu meu corpo, o senti envolver meu seio com suas mãos em chamas, e meu corpo se impulsionou em direção ao dele, ele sugou meu pescoço, sua mão deixou meu seio e desceu por meu braço até minha mão, entrelaçando nossos dedos, enquanto sua boca voltava para a minha, meu beijo já não era educado, era um beijo ansioso, feroz. Sua mão voltou para minha cintura e desabotoou minha calça, ele a desceu lentamente, e subiu sua mão por minha pernas até chegar à minha cintura, e então ele beijou minha cocha, passeando sua língua por toda sua extensão, eu soltei um gemido e mordi seu ombro sem força em excesso, sua lentidão acabou e ele retirou o que faltava de nossas roupas e nos deitou no chão, voltou um pouco para me olhar, eu passei as pontas dos meus dedos por sua barriga, e o mostrou como eu me sentia, e nos amamos com urgência.

(...)

_Tenho um presente pra você.
Jake me disse, ele estava deitado sobre minhas costas, ele me beijou descendo seus beijos por minha nuca, costa até chegar próximo a minha cintura. Meu corpo ainda estava em estado de alerta e logo se hesitou novamente, um tremor passeou por ele todo e Jake riu deliciado por provocar essa sensação em mim. Ele me virou, tocou a pulseira que eu havia ganhado no meu aniversario de quinze anos por alguns segundos, e então eu vi três miniaturas de lobos penduradas, lagrimas de emoção rolaram por meu rosto e Jake me beijou.
Quando nos separamos Jake me entregou um papel e quando eu li eu me senti privilegiada, orgulhosa e honrada, as lagrimas já desciam de novo, além da sociedade que ele havia firmado com a Ferrari, eles iriam fabricar o carro que o Jake montou, NEJE..
_Também tenho algo pra você. Então eu lhe mostrei uma linda moto estacionada na nossa garagem, exatamente a que ele queria e que não haviam lançado ainda. Ele deu um sorriso enorme.
_Como você conseguiu?
Eu dei um sorriso misterioso.
_Papai e seus contatos.
Disse e gargalhamos. Ficamos na campina onde vi o mais lindo por do sol que já tinha visto, e quando o crepúsculo chegou Jake disse.
_Amor agora quero te dar meu ultimo presente. Ele nos conduziu até perto do penhasco, pegou um telescópio que estava entre as coisas, e disse.
_Sua tia Alice viu a passagem de uma estrela cadente hoje, então achei essa clareira para presenciarmos esse momento juntos. Esperamos e não demorou. ela cruzou o céu, Jake sussurrou.
_Faça um pedido. Liguei minha mente a dele e pedi.
“Que nossa família esteja sempre unida e feliz, que todos na reserva estejam bem e em paz, que nossos filhos cresçam com amor, aprendam o certo, se tornem pessoas admiráveis, e encontrem alguém especial como eu encontrei você”.
Toquei meus lábios nos deles.
_E pra você, não vai pedir nada.
O olhei com um sorriso.
_Não, eu já tenho o meu feliz para sempre.
_O nosso. Ele sussurrou sobre meus lábios.

Bem amores este foi o ultimo capitulo, semana que vem posto o epilogo.
Beijos, e comentem please.
 

Fanfic escrita por Sandry



6 comentários:

Maravilhoso Sandry, pena q sua fic chegou ao fim, mais ela foi realmente maravilhosa, e o final foi emocionante tb!
Estou muito feliz pelo o amor da Nessie e do Jake... E eu estou anciosa para ver o epilogo..
Parabéns, Parabéns... Sua Fic foi simplesmente estraordinaria... Me comoveu muito!
Bjsculos!

Poxa vida que pena que acabou!!
Ficou perfeito Sandry! Cheio de emoção, amor, romance, carinho.. ficou simplesmente incrível!
Parabens pela sua fanfic maravilhosa!!
Bjuss

SANDY AMEI MUITO ESSE FINAL.....MAIS FIQUEI TRISTE POR TER ACABADO......PARABENS VOCE É UMA OTIMA ESCRITORA....

SANDRY FICOU MAIS QUE PERFEITO
PARAÉNS E PENA QUE ACABOU
VC É UMA ÓTIMA ESCRITORA
PARABÉNS MESMO!!!
BJOKAS S2

Obrigada queridas. é vdd, ate doeu qdo escrevi o ultimo cap, mais ja to começando as proximas, bjssss

ai sandry fiquei triste mas tava linda desde o começo e esses 5 cap por ultimo foi de uma delicadeza amor e harmonia que eu me emocionei muito...amiga parabens foi lindo .......ha PARABENSSSSS VC MERECE BEIJOKAS BEIJINHOS E BEIJOES

Postar um comentário

Não esqueça de comentar, isso incentiva os escritores e também a mim que tento agradar a vocês.