10 de mai de 2010

Noite de Jake e Nessie

Posted by sandry costa On 5/10/2010 17 comments

Nessie
O nervoso tomava conta de todas as células do meu corpo mais eu queria muito isso e ele também, era o que faltava para sermos verdadeiramente um, apenas UM.

- Eu te amo Nessie...
Ele me beijou de maneira intensa e profunda, sua língua explorando cada espaço que era dele, sempre seria.

- Eu também Jake...
Nossos lábios se moldavam, dançando em uma sincronia perfeita e apesar de todos os meus medos e temores eu sabia que quando chegasse à hora, os nossos corpos também se movimentariam com vida própria.
                Jacob era carinhoso e isso acalmava meus nervoso me dava a segurança para efetivamente me tornar a Sra. Black, algo que eu sempre desejei antes mesmo de saber da coisa toda do imprinting. Na verdade eu sempre o tive como um pai, um amigo, irmão e então ele passou a ser meu e então meu corpo começou a clamar pelo seu por inteiro.
Sua boca deslizava por meu pescoço me fazendo estremecer de desejo, de amor enquanto minhas mãos passeavam por seu corpo, ainda por cima de seu smoking, totalmente perfeito, com cada músculo ocupando seu lugar. Ele beijou meu maxilar e sussurrou no meu ouvido.
_Você esta perfeita nesse vestido.
                Tudo era mágico, o quarto com rosas e velas, preparado especialmente por ele, pra nós, sua presença com seu cheiro amadeirado que ao mesmo tempo em que me acalmava me levava também à loucura.
_Precisa de ajuda pra tirar o vestido?
Ele deu a volta me observando e lentamente desabotoou cada botão do meu vestido. Senti o tecido descer lentamente e agora sim pela primeira vez Jacob me via somente com a parte de baixo da lingerie,  e se eu disser que não corei seria mentira e ele percebeu, claro ele perceberia sempre qualquer reação minha.
                _Não precisa se envergonhar de mim.
                Ele tentava acalmar meu nervoso  já que sem perceber eu havia cruzado meus braços na frente do corpo.
 - Você é perfeita e eu sou seu marido então não tem por que sentir medo ou vergonha.
Dei um sorriso torto e tímido. Jacob me deu um selinho, pegou na minha mão e me levou até a cama me deitando em meio ao lenço de cetim vermelho e as pétalas de rosas brancas.
                _Eu vou apenas amar você. Eu esperei tanto tempo por você pequena.
Sim ele havia esperado e ele merecia o melhor que eu poderia oferecer a ele nesse momento. Meu Jacob, meu único e verdadeiro amor. Entregamos-nos a um beijo ardente, um duelo de dois vitoriosos. Sua mão ganhou vida própria e passeava livremente pelo meu corpo enquanto sua boca deslizava pelo meu pescoço em direção aos meus seios.

                _Perfeitos!!!
Sua voz rouca saiu abafada e eu gostava do quanto ele me fazia sentir amada e até certo ponto venerada. Minhas mãos ganharam vida própria e rapidamente me livrei do seu smoking. Passeie minha mão por sua barriga e comecei a acariciar pelas suas costas, ele gemia baixinho por que era isso, Jacob esperava ser tocado, ser amado tanto quanto eu.


                Jacob


                As mãos da Nessie agilmente me livrou do incomodo smoking, e começou a passear por minha barriga e minhas costas me fazendo gemer baixinho de prazer por ser tocado pela minha esposa, por toda eternidade, me orgulhava somente em pensar nela assim. Hoje aqui em meio às descobertas do corpo dela eu percebo que não nenhum sofrimento que passamos teve valor, nada do que aconteceu é mais importante que esse momento em que ela está se tornando minha.

                Meu corpo ansiava pelo dela e por isso minhas mãos passeavam avidamente por seu corpo, enquanto ela arqueava as costas e involuntariamente fazia nossas intimidades se tocarem e se antes quando nos tocávamos sentíamos uma pequena corrente elétrica, agora posso afirmar que era uma descarga inteira de alta voltagem.

                _Eu preciso de você. Sussurrei em seu ouvido. _Meu corpo precisa desesperadamente de você.
Havia quase uma suplica em minha voz.

                _Me faça sua meu amor.
Ela sorriu ainda tímida enquanto eu tirava a sua última peça de roupa que me impedia de a fazer minha. Mantive meu olhar em seu rosto, já que imagino que assim ela se sentiria mais à-vontade.  Seu rosto corou e era lindo de ver o quanto ela era tímida, isso também me excitava já que a Nessie era uma mistura de várias coisas ao  mesmo tempo. Subi minha mão por entre suas coxas e sim ela estava tão excitada quanto eu. Senti suas mãos delicadas passando pelo cós da minha boxer e a tirando também.

                _Eu também preciso de você... Um sorriso malicioso mais não vulgar apareceu em seu rosto.
                Quando nos vi livres de nossas roupas me posicionei entre suas pernas.
                _Se você sentir dor me avisa que eu paro.
Eu sabia que era mais forte que ela e que qualquer atitude mais bruta poderia machucá-la, embora eu ache que jamais fosse fazer nada que pudesse machucá-la, mais de qualquer modo é a nossa primeira vez.
                _Eu confio em você.
A verdade gritava em suas palavras. Comecei a penetrá-la lentamente e ela gemia e isso me fazia sentir melhor do que eu já teria imaginado na minha vida. Senti quando a última barreira me impedia de fazê-la totalmente minha.
                _Olha pra mim meu amor.
Ela abriu os olhos e me olhou com amor, com desejo, com amor.
_Agora você será minha de verdade. ela sorriu.

                _É tudo que eu sempre quis Jake.
Ela movimentou o quadril me forçando a penetrá-la mais fundo. E então eu a fiz minha.
Ela gritou enquanto cravava as unhas nas minhas costas. Eu a beijei ansiosamente por que não queria que ela sentisse dor, isso me deixa angustiado. Ela começou a se movimentar. E foi assim numa dança sensual e cheia de significados que fomos conduzido aquele patamar entre a loucura e o prazer. Senti meu corpo explodir em inúmeras sensações que antes eram desconhecidas mais que sem saber desejei sentir e gostei do que senti a ponto de não querer parar com o que estáva fazendo.

                _Jake...
Sua voz era como um murmúrio baixo e entrecortado devido à respiração acelerada.
                _Juntos Nes...
Tentava falar mais era impossível, meu corpo era impulsionado em direção ao seu e o prazer chegou. Éramos apenas um e eu tinha a mais completa convicção disso!!!

Oneshot escrita por Sandry e Team Jacob


Espero que gostem e comentem.

17 comentários:

Tipo! PERFEITO!

*0*

Eu amei! Eu não teria feito melhor!!!!

O.O... Perfeitooooo
Muito Perfeito na verdade..
Ameiii
Simplesmente incrivel!!
Parabens!!
Bjusss

Ficou lindo simplesmente Perfeito!!!
Parabéns!!!
Bjinhos

MAravilhoso eu amei!
Continue assim a parceria deu super certo!
Bjs

Ficou maravilhoso... Lindo!
Parabéns!
Bjsculos^^

:e sem palavras!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Oi sandry amei, muito romântico...
Beijos Marina

Parabeeens ! Está super Perfeita !
Eu ameeei !
sem comentariios !!!

lindoooooooooo muito romanticoooo

barbaro..... perdi o folego.... amei.......... bjs estela

ain que lindo meu Deus!!! tipo assim, perfeito...

amei
tipo so super fã do casal jake e nessie!!!!!!!
concerteza eu amei!!!!!!!!!!
perfeito!!!!!
a stefanie podia criar mais um livro né???????
a história do felizes para sempre do jake e da nessie!!!!!!

Meu nome é Fernanda e só leio fics Jakeness,simplesmente os amo!
Achei essa maravilhosa,perfeita,pq é assim q eu imagino o Jake e a Ness...completamente romanticos e puros,não curto fics em q a Nessie é piriguete e futil e o Jake é mulherengo e imaturo.
One-Short perfeita,amei!

Meu deus eu amei é tipo perfeito!!!
estou sem palavras!!!
Meus parabéns...!!!
Ass:Emily

Amei eles São lindos juntoooo
Bjss

Postar um comentário

Não esqueça de comentar, isso incentiva os escritores e também a mim que tento agradar a vocês.