14 de nov de 2011

Capitulo 23

Posted by sandry costa On 11/14/2011 No comments


15:35
Que zoada infernal!

Aparentemente Emmett está se divertindo com o seu novo brinquedinho: uma bateria.

Sim. Emmett tanto fez que Carlisle lhe deu uma bateria de presente de “pós-Natal”. Sei que isso não existe, mas quem inventou esse termo foi o Emmett e, contando que as loucuras de Emmett sejam saudáveis e não matem ninguém, eu aceito.

.
.
.

Mas essa zoada está me incomodando demais. Até Nessie está aqui do meu lado, com as mãozinhas em cima das orelhinhas. E não há nada que me incomode mais do que algo que incomode a sobrinhoca da titia.

Esses dias, por exemplo, Bella teve a brilhante idéia de “vamos levar Nessie ao parquinho para brincar com criancinhas humanas”.

Claro. Vamos comprar um gato pra ela também, pra quando ela sentir sede, devorar o bichano? Aproveita, vamos fazer uma grande festa, convidar todos os cães sarnentos de La Push para que toda a família fique fedendo e se coçando por causa das pulgas?

PELO AMOR DE DEUS!

A gente tira a humana do meio, mas não tira o meio da humana, gente... Porque essas idéias deve ser o lado humano gritando. Gritando, não, se esperneando, doido pra sair e aprontar alguma bobagem. Por isso que só vive caindo.

Sim, então fomos ao bendito parquinho levar a menina pra brincar. Lógico, fomos todos, a família toda.

Jasper não foi. Motivo?

CRIANÇAS.

Aqueles pequenos monstros disfarçados. Jasper tem medo de crianças. Não o condeno. Esses pequenos pacotinhos de sangue que se jogam, para o desespero de suas mães, ralando o corpo no chão. Aí vem chorando com o “dodói” para a mãe dar um beijinho pra sarar, mas acabam ganhando mertiolate. Por mim podiam deixar a antiga fórmula, a que arde... Só pra ver se param de correr por aí...

Crianças sabem ser perversas...

Como eu queria uma. :õ(

Se bem que eu já tenho o Emmett. Pois sim, o levamos ao parque também. Ele achou uma enorme caixa de areia resolveu fazer um castelinho. Eu disse pra ele que não fizesse nada para chamar atenção. Ele fez uma réplica da Casa Branca, com direito a Obama e tudo.

Anta!

Alice tirava fotos o tempo inteiro. Nessie dava um passo, ela tirava. Nessie abaixava, ela clicava. Nessie bebeu água (sim, pois ela precisa beber de vez em quando), foto!

Roubei todas, é claro. Postarei em meu facebook.

Edward, como não pôde levar seu piano, levou um violão e ficou tocando no parque a canção de Bella. Mas Bella não ficou nada feliz, uma vez que todas as babás do parque se juntaram para ouvir Edward tocar. Apesar de não ter olhos para outra mulher, Edward é bem exibido quando quer...

Ao verem a cara de Bella... Bem, eu não teria feito melhor... Fazer cara de má, a ex humana até sabe.

E Emmett, que cismou que tinha machucado o cotovelo e pediu pra eu dar um beijinho. Pena que mertiolate não arde... eu teria jogado nos olhos.

Mas, sim... Renesmee resolveu brincar no balanço.

Foi ai que começou a bagaceira...

Um menininho pediu para empurrá-la. Até então, tudo bem. Mas Nessie é boa, e resolveu retribuir.

Eu nunca vi uma criança voar tão alto... A mãe do guri, é claro, veio brigar com Nessie... Nem deixei a mosca morta da Bella intervir. Quem protegeu foi a titia aqui.

Nem precisei falar nada. Dei um rugido e a mulher se encolheu toda...

Mas, contar esse episódio infernal não foi o real motivo de eu vir aqui desabafar. Foi a vontade de quebrar a bateria de Emmett em sua cara. Mas Edward já me proibiu, pois não quer estimular a violência na frente de Renesmee.

Opa, mas, o quê? Emmett está tocando a canção de Bella na bateria... Isso vai dar em merda!

(05 segundos depois...)

Não disse? Edward é muito hipócrita. Quebrou a bateria na cabeça de Emmett. Quando eu quis, não deixou e agora falou que era uma ofensa para ele ouvir sua melodia se transformar naquele batuque infernal.

Mas não vou mentir, até que eu gostei.

Deixa eu acalmar os ânimos, pois Emmett já foi ao ebay comprar uma gaita de foles..

Com muito amor, mas o suficiente para parecer bela e mau humorada,

Rose.

0 comentários:

Postar um comentário

Não esqueça de comentar, isso incentiva os escritores e também a mim que tento agradar a vocês.